PNEUS

 

Sabia que a área de contato entre o veículo e a estrada não é maior que a palma da sua mão? No entanto, isso não nos impede de conduzir com segurança. Pode parecer estranho à primeira vista, mas é a realidade.

 

Pneus de qualidade, perfeitamente adaptados, desempenham um papel essencial na estabilidade, conforto, segurança e desempenho do seu carro.

 

Para garantir que chega sempre com segurança ao seu destino, deve certificar-se que os seus pneus estão sempre nas melhores condições, realizando controlos periódicos. Isso inclui, por exemplo, verificações regulares da pressão dos pneus.

 

Desde o dia 1 de novembro de 2014, que todos os veículos novos estão equipados com um sistema de controlo de pressão dos pneus que deteta rapidamente um problema durante a condução.

Portanto, as verificações periódicas da pressão dos pneus fazem parte do passado. Graças a estes sensores, a tecnologia moderna informa o motorista caso a pressão dos pneus não seja a indicada. Este sistema reduz o risco de acidentes e prolonga a vida útil dos pneus.

 

Não importa se falamos de automóveis, camiões, motociclos ou veículos industriais, escolhemos consigo o pneu mais adequado para o seu veículo, e levamos em consideração as suas preferências e requisitos técnicos.

 

A escolha dos pneus certos não depende apenas das condições climáticas e do tipo de veículo. As preferências do motorista também devem ser levadas em consideração.

 

Existem modelos desenvolvidos para carros urbanos e desportivos, caracterizados por uma excelente tração e por um desempenho impressionante na travagem. Os nossos especialistas ajudá-lo-ão a escolher os pneus mais adequados.

 

 

OS PNEUS MAIS ADEQUADOS PARA UMA MELHOR EXPERIÊNCIA DE CONDUÇÃO

PNEUS DE VERÃO:
No final do inverno, quando a temperatura exterior atinge os 7°C, é o momento de equipar o carro com pneus de verão. Com isso, poderá apreciar o aumento do desempenho, da precisão da direção e um menor desgaste dos pneus.

 

PNEUS DE INVERNO:
Quando a temperatura externa está sempre abaixo dos 7°C, deve equipar os pneus de inverno. A forma e a composição deste tipo de pneus foram projetadas para a temporada de inverno com o objetivo de garantir estabilidade, aderência e segurança nas estradas. Também neste caso, o uso de pneus adequados para a estação reduz o desgaste, contribuindo para o aumento do tempo de vida dos pneus.

 

PNEUS DE 4 ESTAÇÕES
Estes pneus podem ser usados tanto no verão como no inverno. Trata-se de um tipo de pneus que oferece um compromisso entre os pneus de verão e de inverno e, portanto, são adequados para países com baixas variações sazonais de temperatura. Têm a vantagem de tornar desnecessária a troca de pneus duas vezes por ano, mas não têm um rendimento tão bom em estradas cobertas de neve como aquele que é conseguido com pneus para inverno.

 

São, no entanto, uma boa alternativa para condutores que fazem poucos quilómetros. Na etiqueta de certos modelos de pneus para todas as estações, aparece um floco de neve que certifica uma qualidade de tração suficiente para estradas cobertas de neve e gelo.

 

ETIQUETA PNEUMÁTICA DA UE:

Trata-se da rotulagem de veículos a motor que entrou em vigor a partir do dia 1 de novembro de 2012. Os fabricantes de pneus para automóveis, vans e camiões devem indicar numa etiqueta o consumo de combustível, a aderência em piso molhado e o nível de ruído de os pneus. Esta informação também deve ser incluída em todo o material técnico promocional.


A rotulagem usa uma classificação que vai desde a melhor pontuação (categoria A - verde) até à pontuação mais baixa (categoria G - vermelho). O objetivo desta medida é reduzir o consumo total de energia em 20% até 2020.

 

(Fonte: Comissão Europeia)
A escala de cores no rótulo caracteriza a classificação dos pneumáticos